Curiosidades

[Curiosidades][grids]

Internet

[Internet][grids]

Politica

[Politica][grids]

Tecnologia

[Tecnologia][grids]

Saúde

[Saúde][grids]

Astronomia

[Astronomia][grids]

Beleza

[Beleza][grids]

Ciência

[Ciência][grids]

Conheça os finais originais das famosas historias da Disney

De forma geral as pessoas adoram a ideia de meninas valentes e rapazes que possuem habilidades como as de se comunicar com animais e superar qualquer dificuldade. O interessante é que todos os filmes da Disney têm finais felizes, as histórias da Disney originais são bastante diferentes e têm detalhes muito mais terríveis que você vai descobrir agora no Universo Tech.




Frozen

Sucesso recente entre as crianças e adultos, Frozen conta a história das irmãs Anna e Elsa. Na versão original, entretanto, Elsa é uma bruxa má, vilã da trama. Ela captura Kai, amigo de Gerda, e o deixa frígido e sem memórias. A atitude vilanesca é a motivação para Gerda sair em sua jornada de resgate. Ainda bem que a Disney altera as versões tão pesadas das histórias. Imagina ter tantas princesas violentadas, príncipes torturados e vilões morrendo de formas grotescas? Com certeza estaríamos todos um tanto mais perturbados hoje em dia…




Pocahontas

A índia Pocahontas realmente existiu na vida real e ajudou a melhorar as relações entre nativos americanos e homens branco recém chegados em suas terras, após se relacionar com John Smith. A história real, no entanto, é bem diferente. A índia foi capturada e então forçada a se converter ao cristianismo para casar um outro homem. Ela nunca retornou aos Estados Unidos para se encontrar com sua família. 





Pinóquio

Em sua jornada para se tornar um menino de verdade, o boneco Pinóquio conta com a ajuda do Grilo Falante e da Fada Azul. Na versão original da história, o grilo é esmagado e morto pelo boneco. Felizmente, ele retorna na forma de uma fantasma. Além da consciência sobrenatural, Pinóquio precisa lidar com uma fada que é, na verdade, um cadáver reanimado.




 A Bela Adormecida

O conto “Sol, lua e Talia” precede a adaptação A Bela Adormecida. Nessa versão, depois que a princesa dorme, ela é abandonada pelo pai. Mais tarde um rei de um reino distante a encontra e tem relações sexuais com ela, ainda dormindo. Nove meses depois, Talia acorda com dois filhos mamando em seus seios. As crianças são tomadas pela mulher do rei, que queria cozinhá-los. O rei descobre, manda matar a mulher e se casa com Talia.





A Pequena Sereia

Na versão original do conto, a princesa Ariel precisa sacrificar mais que a voz e as pernas para tentar conquistar o príncipe. Ariel também tem a língua cortada pela bruxa. Além disso, a princesa sente dores terríveis ao andar e nem mesmo consegue o amado. Ela então precisa escolher entre matá-lo para voltar a ser sereia ou pular no mar e se transformar em espuma, que ela acaba preferindo.




Nenhum comentário: